top of page

Sobe para 93 número de casos confirmados de dengue em São Sebastião


A Secretaria de Saúde (SESAU) da Prefeitura de São Sebastião, por meio do Departamento de Vigilância em Saúde, divulgou, nesta terça-feira (6), que subiu para 93 o número de casos de dengue no município.


Com isso, o governo municipal mantém o estado de alerta e segue realizando ações de combate à doença em todas as regiões da cidade. Não há registro de casos graves.


De acordo com informações da SESAU, até o momento, foram notificados 437 casos suspeitos, sendo que 346 já foram descartados.


A alta segue a tendência de todo país, que enfrenta um surto de dengue neste ano, por conta das chuvas e altas temperaturas – fato que proporciona um ambiente propício para a proliferação do mosquito Aedes aegypti.


Aumento em janeiro


Segundo balanço divulgado pela Saúde, em 31 de janeiro, havia 290 casos suspeitos da doença notificados e outros 63 confirmados. O resultado representa um crescimento de 125% de casos para o mês de janeiro, se comparado com 2023.


Cuidados


Para mitigar o avanço da doença, o Departamento de Vigilância em Saúde está realizando ações em diversos bairros e locais conhecidos pelos altos números de casos registrados. Os trabalhos envolvem visitas às residências, eliminação de criadouros, aplicação de larvicida, nebulização, entre outras medidas.


Além disso, funcionários vêm alertando a população sobre os cuidados que devem ser tomados para se proteger da doença, que em casos mais graves pode levar ao óbito do paciente. Por isso, é importante fazer uso periódico de repelente, verificar garrafas, baldes, pneus e certificar que esses itens não possuem água parada, além de manter a limpeza periódica de calhas, caixas d’água que também podem se tornar potenciais criadouros.


Sintomas


A dengue é uma doença febril aguda, sistêmica e dinâmica, podendo variar desde casos assintomáticos até quadros mais graves. Os sintomas mais comuns da doença são febre alta, enjoos, dor de cabeça no fundo dos olhos, mal-estar, cansaço e manchas vermelhas na pele. A recuperação dos pacientes acontece de forma gradual, sendo recomendado muito repouso e hidratação.


Fonte: Departamento de Comunicação/PMSS

Foto: Divulgação/PMSS

Comments


bottom of page