top of page

Representantes da Prefeitura e sociedade civil apresentam propostas para criação da IlhaMuseu do LN


Caraguatatuba recebeu nesta quarta-feira (16/8) a 2ª Jornada Participativa, organizada pela UNESCO e que teve o objetivo de ampliar o diálogo com a sociedade e debater aspectos relativos à criação da IlhaMuseu do Litoral Norte.


O IlhaMuseu será implantado na Ilha das Cabras, localizada em área natural protegida pelo Estado de São Paulo, a Unidade de Conservação de Proteção Integral Parque Estadual de Ilhabela.

Segundo Isabel de Paula, coordenadora do Setor de Cultura da UNESCO, destacou a parceria com os municípios, em especial Caraguatatuba. “É muito importante falarmos do Museu que é do Litoral Norte. Teremos um equipamento com conceito novo, que vai unir passado, presente e futuro”, destacou.


O diretor da Fundação Florestal, Diego Hernandes, também falou da parceria com a Prefeitura de Caraguatatuba. “Temos um projeto bacana com Caraguatatuba com a Rota do Cambuci, trilha acessível e ações que mostram uma cidade em desenvolvimento, mas preocupada com a sustentabilidade”, disse.


Já o prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, colocou a cidade a disposição para fomentar a divulgação da IlhaMuseu. “É um projeto sensacional, que vai agregar um turismo ecológico responsável, a promoção de esporte com a prática do mergulho e a educação ambiental levando para a rede municipal de ensino”, comentou.


As Jornadas Participativas vão percorrer todas as cidades do Litoral Norte para ouvir as propostas, sugestões e expectativas por parte das instituições locais, comunidades tradicionais e sociedade civil em geral sobre o projeto. Nesta quinta-feira (17/8) o encontro será em São Sebastião e na sexta-feira (18/8) em Ubatuba.


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMC

Foto: Divulgação/PMC

コメント


bottom of page