top of page

Prefeitura de São Sebastião segue com Festival Indígena Aldeia Rio Silveiras até domingo


Em celebração ao Dia dos Povos Indígenas, na manhã de quarta-feira (19), a Prefeitura de São Sebastião, por meio da Fundação Educacional e Cultural “Deodato Sant’Anna” (Fundass) e da Secretaria de Turismo (SETUR), deu início a mais uma edição do Festival Indígena Aldeia Rio Silveiras, na Reserva Indígena no bairro Boraceia.


Com o objetivo de reconhecer e valorizar a cultura dos povos originários, a festividade é uma grande oportunidade para que os visitantes aprendam sobre a rica cultura dos Guaranis e vivenciem suas tradições e culinária tradicional.


Alunos das escolas municipais e visitantes de outras cidades prestigiaram a cerimônia de abertura, que contou com uma especial apresentação de canto e dança tradicional.


O cacique Adolfo Timóteo destacou a importância desta data. “É um momento de reflexão, conscientização e de luta pelos direitos dos povos indígenas de todo o Brasil. Nos seis últimos anos, a Prefeitura de São Sebastião vem abraçando a causa indígena e nós agradecemos por ter esse compromisso com muito respeito e igualdade. Aproveito e convido a todos para virem conhecer e viver um dia na nossa Reserva Indígena”, ressaltou.


O Festival segue até domingo (23), das 9h às 17h, com apresentações de dança, arco e flecha, pintura corporal, cantos de agradecimento na Casa de Reza Indígena, exposição de artesanatos feitos pelos indígenas da tribo, plantas nativas e comidas tradicionais da cultura Guarani.


Vale ressaltar que também é possível conhecer as trilhas e cachoeiras que ficam na Reserva Indígena e degustação de comidas tradicionais. Para agendamento, é necessário entrar em contato com o Cacique Adolfo, por meio do telefone (11) 94231-7570.


A Aldeia Rio Silveiras está localizada na Av. Tupi Guarani, no bairro Boraceia, na Costa Sul do município, onde ocupa 8.500 hectares, abrigando cerca de 960 indígenas e 150 famílias, sob o comando do cacique Adolfo Timóteo e do vice-cacique Mauro Samuel.


Fonte: Departamento de Comunicação/PMSS

Foto: Divulgação/PMSS

Comments


bottom of page