top of page

Em uma semana, casos confirmados de dengue aumentam 25% em Ubatuba


Semanalmente, a Vigilância Epidemiológica de Ubatuba divulga os dados referentes aos casos de dengue na cidade. No boletim emitido nesta segunda-feira, 4, são 936 casos confirmados da doença – cerca de 25% a mais se comparado ao boletim da última semana, que registrou 749 casos confirmados. Um total de 1311 ainda estão em investigação.


Os números acompanham a situação em todo o estado. De acordo com o Painel de Monitoramento da Secretaria Estadual de Saúde, até a manhã desta segunda-feira, 4, são 138.259 casos confirmados e 79.000 em investigação em todo o estado de São Paulo.


Segundo o médico e virologista Maurício Lacerda Nogueira, da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp), existe a possibilidade de que 2024 se torne o ano com o maior número de casos suspeitos, e provavelmente confirmados, da história do Brasil.


A expectativa é que haja um aumento significativo até abril. Nos últimos 20 anos, o pico de casos foi registrado entre o final de março e meados de maio. “Com a chegada do inverno e temperaturas mais amenas, a tendência é uma diminuição nos casos da doença. Porém, em 2023, tivemos uma continuidade de registros, pois tivemos um inverno quente e chuvoso e existe a possibilidade que esse quadro se repita”, alertou o diretor da Vigilância em Saúde, Neilton Nogueira.


Por isso, a Secretaria de Saúde reforça que continua realizando ações constantes, como mutirões semanais, mas que a principal estratégia é a colaboração de todos na eliminação de criadouros. “O combate à dengue requer esforços coordenados de toda a comunidade. As autoridades de saúde desempenham um papel fundamental, mas a colaboração ativa da população é essencial para prevenir a propagação da doença”, frisou o coordenador de Endemias, Jorge Dantas.

 


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMU

Foto: Divulgação/PMU

Comments


bottom of page