top of page

Defesa Civil de Caraguatatuba prossegue monitoramento de áreas de risco


A Defesa Civil de Caraguatatuba prossegue esta semana com o monitoramento de áreas de risco da cidade, em decorrência das fortes chuvas ocorridas na noite do dia 20 de janeiro (sábado). Nas vistorias, a Defesa Civil detectou risco geológico de deslizamento de terra em dois bairros: Benfica e Estrela D’Alva, ambos na região central da cidade.


No Benfica, foi realizada a interdição preventiva e temporária de duas moradias. Uma das casas se encontrava vazia. E em outra, foi removida uma família com dois adultos, duas crianças e três cachorros. A família foi abrigada em casa de amigos, contando portando como desalojada.


No bairro Estrela d’Alva, foi verificado o deslizamento de terra em via pública. A Defesa Civil esteve no local e fez o levantamento do traçado do deslizamento, verificando a queda de uma árvore de médio porte no local. Os moradores locais receberam orientações e o local será mantido em monitoramento.


Em boletim emitido à 0h24 do dia 21 (domingo), o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) indicava acumulados de 40 milímetros nas últimas horas na cidade. As regiões mais atingidas pelas chuvas foram Jaraguá, com 42,73 milímetros em duas horas e Rio do Ouro, com 42,23 milímetros.


Estado de Atenção


As previsões de chuva para esta segunda-feira (22), de acordo com o modelo WRF do CPTEC/INPE (Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), é de 1 a 13 milímetros por dia. E para terça-feira (23/1) de 21 a 42 milímetros.


Seguindo aviso do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden),  o Plano Preventivo de Defesa Civil da cidade continua em estado de “Atenção”.

Em caso de emergências, deve-se acionar a Defesa Civil pelo telefone 199, ou o Corpo de Bombeiros, pelo 193.


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMC

Foto: Divulgação/PMC

コメント


bottom of page