top of page

Caraguá: Adolescente se recupera na UTI do Hospital Regional e recebe apoio de amigos do futebol


No Hospital Regional do Litoral Norte, em Caraguatatuba, um emocionante encontro destaca a importância da amizade, apoio e atendimento humanizado na recuperação de pacientes, como Kaiky da Silva Lemos, um jovem de 13 anos morador de Ubatuba.


Apaixonado por futebol, Kaiky faz parte de um grupo de crianças que compartilha dessa paixão e integram o time CTI Ubatuba.


Ele foi admitido na UTI do HRLN em 21 de agosto enfrentando um quadro médico complexo. Inicialmente, os médicos suspeitaram de embolia pulmonar e trombose, mas logo descobriram que o jovem havia sofrido uma lesão durante uma partida de futebol que se tornou a porta de entrada para uma grave infecção.


O tratamento incluiu diversas intervenções cirúrgicas e um período de intubação com desafios significativos. Porém, Kaiky demonstrou notável resiliência e força. Há duas semanas, ele foi extubado e está progredindo favoravelmente, caminhando para a alta hospitalar.


A mãe de Kaiky, Fernanda da Silva, compartilhou seu profundo agradecimento aos profissionais do HRLN. “Não tenho palavras para agradecer a toda equipe que cuidou e está cuidando dele… Agradeço a Deus todos os dias por ter colocado esses anjos de uniformes para cuidar do meu filho”.


O momento mais emocionante da internação de Kaiky ocorreu quando seus amigos próximos, colegas de time e treinadores o visitaram no hospital.


A equipe do HRLN viabilizou este encontro que, não apenas trouxe carinho, mas destacou a importância da interação com entes queridos durante a recuperação.


A supervisora de Enfermagem, Letícia Oliveira, participou de todo o processo e comemora os resultados: “Foi muito gratificante participar, articular e promover este momento junto com a família e o time, tendo em vista a gravidade do caso e a nossa luta diária para mantê-lo estabilizado. E hoje, ver sua evolução, ‘chutando a bola’ pela primeira vez, foi emocionante e recompensador”, disse.


A presença e apoio de familiares e amigos na recuperação de pacientes é essencial, pois proporciona conforto emocional, estímulo para a melhora e ajuda a reduzir o estresse.


A enfermeira da UTI Pediátrica do HRLN Isabelle Pilon ressalta que “essa demonstração de apoio fortalece a recuperação do paciente e reforça a importância da empatia em nosso trabalho.”


Dra. Michele Carvalho dos Santos Martins, intensivista pediátrica, completa: “O sucesso do tratamento de Kaiky é resultado da colaboração entre profissionais de saúde e do apoio incansável de amigos e familiares”.


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMC

Foto: Divulgação/PMC

Comments


bottom of page