top of page

Canal do Rio Juqueriquerê recebe desassoreamento para melhorar fluxo de água e navegação



O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, se reuniu com pescadores e representantes de marinas náuticas, nesta quarta-feira (28), para orientações sobre o desassoreamento do canal entre os molhes do enrocamento do Rio Juqueriquerê.

A proposta foi alertá-los quanto ao tráfego de embarcações a partir desta quinta-feira (29), quando será iniciada a obra para retirada da areia do canal com auxílio de maquinário.

A orientação foi passada pelo secretário de Obras Públicas, Leandro Borella, e o diretor da empresa Porto Vale Transportes Marítimos LTDA, Robson Bitencourt, que será a responsável pelo desassoreamento.

Foram abordados todos os detalhes do serviço e a importância de trafegar com responsabilidade neste período. A obra levará 30 dias para ser concluída e irá garantir em torno de 1,5 metro de profundidade do canal entre o rio e o mar.

Dentre outros aspectos, a obra também vai melhorar o fluxo de água, contribuindo para a drenagem do município, em especial, nos períodos de chuvas.

De acordo com os técnicos, está não é a medida definitiva, o objetivo é realizar uma dragagem em todo o canal assim que os molhes de pedra estiverem concluídos. Porém, como medida temporária, a obra deverá atender o fluxo de embarcações ao longo da temporada.

O serviço será executado com auxílio de um barco rebocador e empurrador, que terá um arado na parte traseira para ajudar na movimentação da areia. Os trabalhos serão feitos, principalmente, nos períodos de maré vazante, quando a maré começa a baixar e o fluxo de água do rio aumenta.

Para o prefeito Aguilar Junior, este é mais um grande passo nas obras do enrocamento. “Fico até emocionado em ver o avanço desta obra tão sonhada pela minha administração. E tenho certeza que quando estiver finalizada, nós veremos Caraguatatuba em outro patamar. Agradeço a parceria da equipe da Secretaria de Obras, a empresa responsável pela execução do serviço e todos que estão acompanhando o avanço do enrocamento”, disse.

A construção dos molhes continua a todo o vapor e já é possível ver a obra de longe. O molhe no lado norte já chega a 550 metros de comprimento, enquanto que o lado sul já está com 700 metros.


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMC

Foto: Divulgação/PMC


bottom of page