top of page

Alunos da escola Luiz Silvar do Prado participam de vivência com canoa havaiana em Caraguatatuba


Os alunos destaques da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Prof. Luiz Silvar do Prado, localizada no bairro Casa Branca, em Caraguatatuba, tiveram a oportunidade de participar essa semana de um projeto de vivência da canoa havaiana.


A atividade, organizada pela escola em parceria com o projeto Caiçara Ulani VA’A de canoagem na Praia do Camaroeiro, proporcionou aos estudantes momentos de diversão, aprendizado e trabalho em equipe.


Na segunda-feira (19), 10 alunos dos 6° e 7° anos tiveram a oportunidade de participar dessa experiência única. E hoje, quinta-feira (22), foi a vez dos 8° e 9° anos, totalizando 15 estudantes nessa segunda turma. A iniciativa teve como objetivo parabenizar e valorizar os alunos que se destacaram nos estudos durante o primeiro bimestre.


A vivência da canoa havaiana foi conduzida pelo professor Ricardo Freitas, do projeto Caiçara Ulani de Caraguatatuba. Ele compartilhou todas as instruções necessárias para que o grupo de alunos compreendesse o processo da remada. Todos os participantes utilizaram coletes salva-vidas e tiveram a oportunidade de remar várias vezes.


Maria Eduarda, aluna de 13 anos do 8° ano D, foi uma das estudantes que se destacou na escola e teve a oportunidade de participar dessa experiência enriquecedora. Ela revelou que nunca havia praticado remada antes, mas que a vivência foi extremamente divertida. “É muito legal, apesar de doer um pouco o braço. Mas minha primeira experiência nesse esporte foi tão divertida que eu adoraria praticá-lo mais vezes no futuro”, compartilhou entusiasmada.


A premiação dos alunos destaques a cada bimestre é uma iniciativa da escola, que busca incentivar cada vez mais o desempenho acadêmico e a boa conduta dos estudantes. A equipe gestora, juntamente com os professores, da EMEF Prof. Luiz Silvar do Prado seleciona, a cada dois meses, durante conselho de ciclo, os alunos com base no comportamento exemplar, participação ativa em sala de aula e também nas boas notas.


O diretor da escola, Daniel Godoi, ressaltou a importância de valorizar o desempenho dos alunos e tornar o estudo uma atividade gratificante para eles. Além disso, ele destacou que essa iniciativa também visa introduzir novos esportes na vida dos estudantes, ampliando suas experiências e oportunidades.


Robert Cunha dos Santos, aluno de 14 anos do 9° ano A, também compartilhou sua experiência e expressou sua alegria em participar da atividade. “Eu conhecia o esporte apenas pela televisão, mas agora tive a oportunidade de participar por meio da minha escola. A sensação de remar é maravilhosa, especialmente quando pegamos uma boa onda”, relatou.


Por fim, o professor Ricardo Freitas, do projeto Caiçara Ulani, ressaltou a importância de ter esse contato com os jovens. Ele explicou que o projeto costuma receber pessoas mais velhas, incluindo competidores experientes, e que seria gratificante contar com mais jovens interessados no esporte.


A canoagem estimula a coletividade e promove o trabalho em equipe, valores fundamentais para o desenvolvimento pessoal dos alunos.


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMC

Foto: Divulgação/PMC

bottom of page