top of page

Agentes da Defesa Civil participam de treinamento preparatório da Operação Chuvas de Verão 23/24


Mais de 140 agentes da Defesa Civil da Região Metropolitana do Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira e Litoral Norte (RMVale) devem conhecer e estudar, nesta quarta-feira (25), a Rua Antonio Tenório dos Santos, no Itatinga, região central do município. A visita faz parte da aula prática do treinamento preparatório para a Operação Chuvas de Verão 23/24.


O grupo fará a vistoria de campo acompanhada pelos técnicos do Instituto de Pesquisas Ambientais (IPA) e do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), com o objetivo de capacitá-los a reconhecerem as características do solo e identificarem sinais que antecedem os deslizamentos de terra em locais de risco, a partir de conceitos geológicos e ambientais.


Nesta terça-feira (24), o grupo participou da parte teórica realizada no Teatro Municipal da cidade. Na abertura da oficina, o prefeito Felipe Augusto destacou ao grupo sobre a importância de cuidar do tempo/resposta em uma ocorrência. Ele relatou alguns momentos da catástrofe que assolou São Sebastião no dia 19 de fevereiro e como foi importante a ação de todos os agentes no resgate, liberação da cidade e agora na fase de reconstrução.


“Precisamos saber qual o tempo, atendimento que precisamos dar para a população, especialmente as que residem em áreas de risco. Esse tempo é um fator determinante para as consequências. Ele ainda falou da importância da aplicação dos modelos matemáticos que pode ser fundamental para enfrentar o que ocorreu em São Sebastião, em municípios do Rio Grande do Sul e agora em Santa Catarina e Paraná.


O chefe de Gabinete da Casa Militar, tenente coronel Rinaldo Araújo Monteiro, falou aos presentes sobre os trabalhos desenvolvidos pelo Estado em termos de Defesa Civil, como São Sebastião se transformou em um case positivo para atendimento de ocorrências e prevenção. Também abordou novos modelos a serem adotados como implantação de sirene, radar e alerta por meio de celular sobre chegada de mau tempo.


Ainda compuseram a mesa o capitão Paulo Roberto Reis, coordenador Regional de Proteção e Defesa Civil da RMVale, o major Alessandro Lima de Freitas, subcomandante do Corpo de Bombeiros do Vale do Paraíba e Litoral Norte, o secretário municipal de Segurança Pública, Reinaldo Boarim, coordenador da Defesa Civil de São Sebastião, Wagner Barroso e o assessor da Secretaria Executiva da Gerência do Litoral Norte, coronel Gustavo Suarez da Silva.


O principal objetivo do treinamento é especializar os agentes municipais de Proteção e Defesa Civil para atuação nas ocorrências típicas do período chuvoso e demais ações pertinentes.


Os participantes tiveram a oportunidade de se atualizarem sobre temas previsão meteorológica para o período, uma vez que o fenômeno El Niño deve perdurar até maio de 2024, estrutura do sistema de proteção e defesa, assistência social na emergência, análise de solo e vistoria de campo baseadas nas fases dos Planos Preventivos da Defesa Civil (PPDC).


Também contaram com instrução técnica do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo, voltada a orientação sobre os procedimentos para o resgate de animais domésticos. Já pelo Centro de Estudos e Pesquisas sobre Desastres da Universidade de São Paulo (CEPED-SP/USP) foi abordada a gestão da logística humanitária.


Os municípios que participaram do treinamento, pontuarão no Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEG-M), no Programa Município Verde Azul e cumprirão um dos critérios para recebimento no ‘Kit Operação Chuvas de Verão’, um dos critérios da ação de Aparelhamento da Defesa Civil Estadual.


Fonte: Departamento de Comunicação/PMSS

Foto: Divulgação/PMSS

bottom of page