top of page

24º Festival do Camarão começa sexta-feira e movimentará Caraguatatuba por 10 dias


Vai começar a 24ª edição do Festival do Camarão, de 14 a 23 de julho, na Praça da Cultura (Praia do Centro). A realização é da Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, e em parceria com Associação de Pescadores da Praia do Camaroeiro.


A abertura oficial é na sexta-feira (14/7), às 18h. De 15 a 23 de julho, o evento acontece das 12h às 23h. A entrada é gratuita.


O Festival tem como objetivo valorizar, preservar, proteger e divulgar o patrimônio cultural e imaterial de Caraguatatuba para as gerações futuras, sobretudo o patrimônio cultural arraigado à vida pesqueira dos caiçaras do Litoral Norte de São Paulo. Tem, ainda, o propósito de ser fonte de geração de renda para a Comunidade Pesqueira, com exclusividade aos pescadores de camarão da Praia do Camaroeiro após o período de defeso.


Nesta edição, o Festival contará com 21 barracas, sendo 19 de alimentos e refeições preparados à base de camarão e mandioca e duas barracas de doces caseiros e tradicionais da região, com preços que variam entre R$ 7 a R$ 70.


Além das barracas de quitutes, haverá, ainda, a área das Tendas de Artesanato e Artes Plásticas com obras confeccionadas por artistas e artesãos locais, o espaço do Rancho e Casa Caiçara, cunhagem da canoa e o oratório de São Pedro. A Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Pesca e um stand com produtos à base de Cambuci também marcam presença na festa.


A expectativa da organização é que mais de 100 mil pessoas compareçam à Praça da Cultura durante os 10 dias de festa, que contará com uma programação artística e cultural especialmente pensada para a ocasião.


Corrida de Canoa Caiçara


Ainda durante o Festival, no último domingo de festa, dia 23, será realizada a tradicional Corrida de Canoa Caiçara, às 9h, na Praia do Centro, nas categorias solo masculino, dupla masculina, dupla feminina e dupla mista.


A atividade reúne canoeiros de todas as idades e cidades do Litoral Norte, com premiação para os participantes. As inscrições para a corrida são gratuitas e podem ser realizadas a partir das 7h30. Quem não tiver canoa, pode participar das baterias com as embarcações que serão cedidas pela Fundação. A exibição da Canoa o pano, com senhor Miguel de Andrade e convidados, acontece durante o evento.


Confira a programação completa:


Sexta-Feira (14/7)

18h: Abertura Oficial

19h: Causos de Caiçara com Nhá Rita (Palco)

20h: Banda Carlos Gomes (Palco)

22h: Soul de Mar (Palco)

18h às 22h: Contação de História Nhá Rita (Casa Caiçara)


Sábado (15/7)

12h30: Choro do Malandro (Palco)

17h: Roda de Capoeira (Rancho do Pescador)

18h às 22h: Contação de História Nhá Rita (Casa Caiçara)

19h: Corpo de Baile de Caraguatatuba “Expresso Tatu” (Arena Cultural)

20h: Folia de Reis do Bairro do Tinga (cortejo)

20h30: Feira Livre Acustic (Palco)

22h30: Banda 70 Brasil (Palco)


Domingo (16/7)

12h30: Carlinhos Guilbert (Palco)

18h às 22h: Contação de História com Nhá Rita (Casa Caiçara)

19h: Danças Urbanas (Arena Cultural)

20h: Tikinho e Banda (Palco)

21h30: Banda Conexão Central (Palco)


Segunda-Feira (17/7)

14h às 17h: Oficinas de Cestaria (Atelier do Joca)

18h às 21h: Apresentação de pífano com Ton Bambuzero (Atelier do Joca)

18h às 22h: Contação de História com Leco Borba (Casa Caiçara)

19h: Causos de Caiçara com Leco Borba (Palco)


Terça-Feira (18/7)

14h às 17h: Oficina de pífano com Ton Bambuzero (Atelier do Joca)

18h às 22h: Contação de História com Leco Borba (Casa Caiçara)

19h: Causos de Caiçara com Leco Borba (Palco)


Quarta-Feira (19/7)

14h às 17h: Oficinas Cestaria (Atelier do Joca)

18h às 22h: Contação de Histórias com Leco Borba (Casa Caiçara)

18h às 21h: Nós de Coco (Atelier do Joca)

19h: Causos de Caiçara com Leco Borba (Palco)


Quinta-Feira (20/7)

14h às 17h: Oficinas de cestaria (Atelier do Joca)

18h às 21h: Apresentação Fandangueiras Grupo Aleluia (Atelier do Joca)

18h às 22h: Contação de Histórias com Leco Borba (Casa Caiçara)

20h: Água Viva Coral (Palco)

21h30: Mayara e Marcos (Palco)


Sexta-Feira (21/7)

14h às 17h: Oficina de Papel Vegetal (Atelier do Joca)

18h às 23h: Contação de História com Bidico (Casa Caiçara)

19h: Dança de Salão (Arena Cultural)

20h: Samba de Roda (Arena Cultural)

22h: Orquestra de Viola Estrela de Ouro (Palco)

18h: Causos de Caiçara com Bidico (Palco)


Sábado (22/7)

12h30: Claudio Milito Trio (Palco)

17h: Roda de Capoeira (Rancho do Pescador)

18h às 23h: Contação de História com Bidico (Casa Caiçara)

19h: Apresentação de Danças Urbanas, de Salão e Ritmos (Arena Cultural)

20h: Apresentação de Fandango (Arena Cultural)

22h: Tribo Caiçara (Palco)


Domingo (23/7)

9h: 24ª Corrida de Canoa Caiçara (Praia do Centro)

12h30: Premiação 24ª Corrida de Canoa Caiçara (Praia do Centro)

13h: Zé da Viola e Washington (Palco)

18h às 23h: Contação de História com Bidico (Casa Caiçara)

18h: Causos de Caiçara com Bidico (Palco)

19h: Apresentação Sapateado e Ritmos (Arena Cultural)

20h: Forró de Todos (Palco)


Atelier do Joca

12h às 22h: Exposição todos os dias

Casa caiçara

14h às 22h: Recreação e Oficina de Pipa – todos os dias

Rancho do Pescador

12h às 22h: Entalhe de canoa – todos os dias

14h às 22h: Dois Velhinhos pelo Mundo – todos os dias


Tendas de Artes e Artesanato

12h às 0h: Exposição e venda – todos os dias

Espaço da Memória Patrimônio Cultural, Histórico e Tradições Caiçaras

12h às 23h: todos os dias


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMC

Foto: DIvulgação/PMC

bottom of page