top of page

2º Festival Saberes e Sabores Caiçaras promete movimentar mais de R$ 1,5 milhão em vendas em Caraguá


O 2º Festival Saberes e Sabores Caiçaras, promovido pela Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Turismo (Setur), promete movimentar mais de R$ 1,5 milhão em vendas entre os dias 11 e 14 de maio.


Este ano, o evento será realizado na Praça Diógenes Ribeiro de Lima. O objetivo é valorizar, promover e difundir as tradições artesanais e culinárias locais, reunindo cultura, gastronomia, música e grande público.


Além da comercialização dos pratos gastronômicos, a programação do Saberes e Sabores Caiçaras contará com a exposição e venda de produtos produzidos por produtores rurais, ceramistas e artesãos do município. O festival terá ainda apresentações musicais.


A Secretaria de Turismo abriu um chamamento público para os interessados em participar do evento, conforme o Edital 012 publicado no Diário Oficial do Município desta quinta-feira (4/5).


A inscrição é facultada a todos os produtores locais (pessoa física ou jurídica) e deverá ser realizada na sede da Secretaria de Turismo, que fica na Av. Arthur Costa Filho, 25, até a próxima segunda-feira (8/5), das 9h às 17h, ou por email no endereço inscricao.eventos@caraguatatuba.sp.gov.br em igual prazo de data e horário.


Serão disponibilizados 39 espaços destinados a diferentes tipos de produtos locais, distribuídos nas seguintes categorias: oito stands para comercialização de alimentos salgados de preparo rápido (petiscos e comida de boteco) e refeições, em especial aqueles que contenham produtos típicos regionais em sua receita; cinco stands para cervejeiros artesanais de Caraguatatuba; quatro stands para comercialização de doces diversos; dois espaços para sorvetes ou açaí artesanais do município; dois espaços para Food Truck/Kart de alimentos diversos artesanais (em especial aqueles que contenham produtos típicos regionais em sua receita) e bebidas artesanais e convencionais; até seis espaços destinados exclusivamente aos produtores rurais do município; 10 espaços para artesãos locais (não serão aceitas inscrições de artesãos que já se beneficiam de espaço público para trabalhar); um espaço para a Associação Orquidófila do Litoral Norte; e um espaço para Casa Caiçara com bolos e café com rapadura tradicionais da gastronomia caiçara.


Somente no ano passado, foram comercializados nos 10 estabelecimentos participantes mais de 2,5 mil pratos, 2 mil bolinhos de mexilhão, 3,3 mil porções, 1 mil hambúrgueres, 100 quilos de mexilhão, 6.500 doces, entre outros itens. O evento também contou com a exposição de 375 peças de artesanato.


“O festival foi um grande sucesso no ano passado e este ano será ainda melhor. Decidimos fazer na Praça Diógenes, que é o símbolo do encontro de artistas e artesãos de nossa cidade”, explicou a secretária de Turismo, Maria Fernanda Galter Reis.


Já o prefeito Aguilar Junior, resaltou a importância de se realizar mais um evento na baixa temporada. “Estamos com um calendário recheado de atrações praticamente todos os finais de semana e isso movimentará a economia local, principalmente quando temos o evento que resgata a cultura caiçara”, disse.


Fonte: Secretaria de Comunicação/PMC

Foto: Divulgação/PMC

bottom of page